Autoconfiança no sexo: como podes melhorar a tua

Como podes quebrar essa parede de timidez e vergonha e ter melhor sexo? Trabalhando na tua autoconfiança! Vê as nossas dicas.

Uma das características mais sexy que alguém pode ter é autoconfiança. Especialmente, quando sentes autoconfiança durante o sexo, podes tornar a experiência muito melhor do que já é. No entanto, para a maior parte das pessoas, confiança nelas próprias não é algo inato ou que se ganha do dia para a noite.
Um estudo recente, da Chapman University, da Indiana University e do Kinsey Institute, dos EUA, concluiu que as mulheres heterossexuais têm menos orgasmos que qualquer outro grupo. E porquê? Há várias razões apontadas, mas a predominante é de que o orgasmo feminino não tem tanta importância como o masculino.
E, cá para nós, está na hora de deitar este mito abaixo! E um bom ponto para começar, são dicas para aumentar a autoconfiança no sexo – conhece-as abaixo.

Autoconfiança no sexo

Antes de mais, quando falamos de autoconfiança no sexo estamos a referir-nos à forma como vês e sentes o teu corpo, e o teu nível de confiança quando te envolves fisicamente com alguém. É o que tu trazes e pões numa relação, e no sexo, tanto física como psicologicamente.

Conhece o teu corpo

Já o dissemos várias vezes, e não nos cansamos de o repetir: conheceres-te, e ao teu corpo, são os ingredientes principais para criares autoconfiança e aumentares a tua autoestima. E, no sexo, não é diferente. Se souberes exatamente aquilo de que gostas, podes ensinar o teu parceiro a dar-te prazer. E acredita, bom sexo faz a tua confiança aumentar!

Não tenhas medo de falar

Se, durante o sexo, não te sentires confortável com alguma situação deves dizê-lo, imediatamente. Se tiveres esta noção sempre presente na tua vida, a tua autoconfiança vai aumentar e, especialmente durante o sexo. Sabes como ser uma expert em conversa de almofada?

Respeita os teus limites

Sair da zona de conforto é bom, até um certo nível. Mas é sempre necessário teres em conta os teus próprios limites e quais deles não queres mesmo ultrapassar. E não deves ter medo, vergonha ou insegurança ao estabeleceres limites com o teu parceiro. Se há alguma coisa no sexo com a qual não concordas, ou que te faria sentir insegura, comunica-o logo.

Não sejas uma espetadora

Uma relação sexual deve ser um momento de partilha e entrega, pelo que não há lugar para espetadores. Sê mais assertiva e não tenhas medo de dizer o que queres. Lembra-te: tu conheces o teu corpo (ou devias) como ninguém, logo tu és a melhor pessoa para julgar aquilo que gostas e que te faz sentir bem. E então, de que estás à espera para pô-lo em prática?

Entrega-te às fantasias

Sempre tiveste vergonha de contar ou realizar as tuas fantasias? Se calhar está na hora de deixares esses complexos de lado e de teres coragem de admiti-las, e fazê-las! Requer coragem expores-te assim mas, depois, vais sentir-te poderosa e, certamente, vais sentir a tua autoconfiança aumentar.

Toma a iniciativa… e as rédeas!

Um preconceito ainda muito presente na sociedade – e na cabeça de muitas mulheres – é o de que o homem é quem deve ter a iniciativa no sexo. Nada mais errado! Se, consciente ou inconscientemente, pensas assim, toca já a mudar o disco! Atreve-te a tomar a iniciativa, e a ser tu a iniciar a relação. Não só fará milagres pela tua autoconfiança como é algo muito sexy e que vai deixá-lo louco!

Aventura-te fora do quarto

E se estamos a falar de autoconfiança, nada melhor do que arriscar um bocado. Já pensaste em dar asas ao vosso amor noutros sítios que não o quarto? Com isto não queremos incentivar-vos a ter sexo em sítios perigosos ou ilegais, mas sim em sítios mais… atrevidos! A emoção de uma situação nova deste género é sempre muito grande e tem efeitos muito benéficos na tua autoconfiança. Se não acreditas, experimenta!

Proteção

Algo com que, por outro lado, não se pode arriscar é com a saúde e a proteção. Uma das coisas que mais insegurança provoca às mulheres, no que respeita a sexo, é o medo de uma gravidez não desejada ou de Infeções Sexualmente Transmissíveis (IST) e, estas duas coisas são bem reais. Assim, fica a nossa última dica – mas a mais importante: Proteção, sempre! Porque o sexo seguro é o que oferece mais prazer e menos risco.

Em ellaone.pt, encontrarás todas as informações sobre a pílula do dia seguinte ellaOne®.