10 sinais de que a tua relação se está a tornar tóxica

É difícil perceber quando estás numa relação tóxica. Aprende a detetar os sinais quando ainda estão no início.

Quando existem sentimentos fortes à mistura, como no caso de relações amorosas, pode ser difícil ter noção da realidade. E lembrarmo-nos que estamos em primeiro lugar, e que o nosso bem-estar e a nossa felicidade são uma prioridade. Aprende a identificar 10 sinais de que estás numa relação tóxica.

Relação tóxica: sinais de alerta

Os sinais de uma relação tóxica podem ser muito subtis e fáceis de confundir com amor, paixão, personalidade… fica muito atenta.

1. É tudo acerca da ex

Começar uma relação com uma outra mal-resolvida é uma receita para o insucesso. Se estás numa relação em que o teu parceiro fala frequentemente da ex-namorada, tem medos e inseguranças, ou usa a relação anterior como desculpa para muitas das suas más atitudes contigo, são sinais de que ainda não virou a página.

O teu parceiro precisa de tempo para fazer o luto, e não está pronto para uma relação contigo. Tu acabarás por sofrer. Por isso, ainda que custe muito, aceita que acabar agora pode salvar-te de um sofrimento ainda maior no futuro.

Será que essa relação tem futuro?

 

2. Mentiras e mais mentiras

O teu namorado mente-te constantemente, seja em pequenas coisas, ou coisas mais sérias? Estás a viver uma relação tóxica. Uma relação saudável é baseada em confiança e honestidade. Se não existe isso, é porque não é verdadeira. Sai dessa relação o quanto antes: as mentiras costumam ser um sintoma de um problema mais grave como tendência para manipular.

Queres ser uma expert em conversa de almofada?

 

3. Controla o teu telemóvel

Este é só um sinal muito leve de um problema muito maior. O controlo excessivo é um sinal clássico de uma relação tóxica, muito tóxica, que frequentemente é ignorado ou confundido com amor e preocupação.

Se o teu parceiro te controla o telemóvel, ou as redes sociais, as tuas saídas e os teus amigos, a tua forma de vestir ou a forma como te comportas, a tua relação não é saudável e pode tornar-se um pesadelo.

 

4. Estás isolada do teu mundo

Uma forma intemporal de manipulação é criar um sentimento de isolamento na outra pessoa. Se deixaste de ver os teus amigos ou família, ou deixaste de fazer as tuas rotinas por imposição do teu namorado, podes estar a viver uma relação tóxica.

Não implica necessariamente uma proibição, de facto, pode ser algo mais subtil como ficar com ciúmes quando vais ter com amigos, triste porque tens um plano privado com a tua melhor amiga, ou até ficar irritado quando falas ao telefone com um familiar. Normalmente, os manipuladores tendem a isolar as suas parceiras para conseguirem ter maior controlo sobre elas. Não deixes que este seja o teu caso!

 

 

5. A vossa relação não é assumida

Há muitas (demasiadas!) justificações para não assumir uma relação. “Estamos só a começar.”, “Não quero que ninguém se intrometa.”, “Tenho medo que não resulte.”, e outras que tais. Se ele não te assume é porque tem algo a esconder ou porque não leva esta relação a sério. Não fiques numa relação tóxica destas à espera que amanhã seja melhor. Não vai ser.

 

6. Estão sempre a acabar e começar

Vocês têm uma relação tempestuosa? Estão sempre a acabar e a começar? Sempre que se chateiam ou discutem, o namoro acaba, apenas para voltarem dali a uns dias? É claramente uma relação tóxica.

Quando estás numa relação haverão, eventualmente, contratempos que devem ser ultrapassados a conversar. Se a única forma de ultrapassarem os problemas é acabarem e voltarem constantemente, então não estão a resolver coisa nenhuma, e estão a fazer mal um ao outro.

 

7. Têm discussões agressivas e frequentes

Já que falamos de relações tóxicas, não é possível deixar de mencionar as discussões agressivas. Ter discussões e arrufos é normal, mas nunca se esses momentos são constantes, envolvem insultos, agressividade ou violência.

Se ele bate com portas, atira com objetos ou mostra outro tipo de comportamento agressivo quando discutem, é muito importante que saias dessa relação tóxica já!

 

8. É demasiado ciumento

Quando um namorado é ciumento, normalmente sentimo-nos lisonjeadas: “Porque tu és tão bonita.”, “Eu vejo como as outras pessoas olham para ti.”, “Tenho medo de te perder.” Frases como esta são muito comuns, e perigosas. Os ciúmes não são uma coisa boa nem um elogio, e o ciúme excessivo é um sinal de alarme. Se sentes que algum de vocês é muito ciumento, podem estar a alimentar uma relação tóxica.

 

9. Pressiona-te constantemente a nível sexual

O sexo é natural numa relação amorosa, mas apenas e unicamente quando os dois querem, quando os dois se sentem bem, e quando os dois estão preparados. Se ele te pressiona sexualmente – seja a experimentar coisas novas, a ter outras experiências, ou até a ter sexo com ele – e tu não queres, diz não! Afasta-te dessa relação tóxica, antes que seja tarde demais.

 

10. Força-te a não usar preservativo

Ainda que estejas numa relação séria e exclusiva, ninguém – e repito: ninguém! – tem o direito de te obrigar a não usar contraceção. Ainda que seja o teu namorado de anos, o teu noivo, ou qualquer outra pessoa. É importante usar proteção, especialmente em relações novas, e quando não fizeram todos os testes. Conhece o manual sobre contraceção de A a P, e dá uma olhada no guia prático de contraceção de emergência.

E lembra-te: ainda que não haja nenhum destes sinais na tua relação, mas estiveres constantemente triste, a sentir que tens que mudar quem tu és por ele, a vossa relação é tóxica! Não te conformes com uma relação onde sentes que não podes ser tu mesma, onde não te sintas o suficiente, ou onde te sintas obrigada a fazer algo que não queres.

Body Positive: sabes o que é?

Reconheces algum destes sinais na tua relação, ou na de algum amigo? Partilha com alguém que possa estar a viver uma relação tóxica.

Em ellaone.pt, encontrarás todas as informações sobre a pílula do dia seguinte ellaOne®.