Copo menstrual: vantagens e inconvenientes

A esta altura do campeonato, todas nós já ouvimos falar sobre o copo menstrual. Mas a realidade é que nem todas demos uma oportunidade ao tema, pelo menos é o meu caso.

A primeira vez que ouvi falar do copo menstrual, foi há alguns anos atrás. Uma amiga de uma amiga usava e dizia maravilhas e ainda por cima é ecológico. Com estas características, conseguiu captar a minha atenção, mais que não fosse porque sentia que mais uma vez estava a contribuir para melhorar o meio ambiente e isso, faz-me sentir genial. Verdade seja dita, os pensos e os tampões de ecológicos não têm nada.

Depois de perceber como funcionavam, a verdade é que não me aventurei a experimentar, não sabia o tamanho que devia comprar e até mesmo onde comprar se na farmácia se na internet. Só problemas para uma coisa tão simples. Deixei o copo menstrual em águas de bacalhau até que, um dia vi um vídeo de uma adolescente muito contente por usar o copo menstrual e lá me animei. Na farmácia disseram-me que o meu tamanho era o mais pequeno porque tenho pouco fluxo e ainda não tive filhos. Embora a diferença não seja muito grande entre tamanhos pequenos e grandes, existem marcas que vendem apenas um tamanho.

Tenho usado o copo menstrual desde há dois anos. E ainda bem que o fiz, fico muito feliz por usá-lo. No início, a mudança custa, como tudo na vida, mas rapidamente me acostumei e tenho as minhas técnicas para que tudo corra às mil maravilhas.

As vantagens do copo menstrual são muitas:

Saudável

Esta é uma das principais vantagens, embora todas as outras sejam igualmente boas. O copo menstrual não contém produtos químicos, por isso é perfeitamente saudável. Por outro lado, os tampões possuem branqueadores, substâncias químicas responsáveis pela presença de dioxinas. As dioxinas são das substâncias químicas mais fortemente associadas ao risco de cancro. Isto não é nenhum segredo, está no papelinho que vem dentro da caixa dos tampões, é só leres.

Além disso, ao armazenar o fluxo menstrual em vez de absorvê-lo, protege a flora vaginal de possíveis infeções.

Confortável

Não sai do sítio, não pode ser visto, porque não tem nenhum fio que fique pendurado por fora, nem deita nenhum tipo de cheiro. Podes fazer todo o tipo de atividade física que não vai mover-se. É 100% seguro. Além disso, podes esquecer andar sempre prevenida, é menos uma preocupação que tens nesses dias.

Capacidade

O número de vezes por dia que precisas “trocar” é muito reduzido. Este fator, somado ao fato de que não é tóxico, faz do copo menstrual perfeito. Só precisa ser trocado a cada 8 a 12 horas. Mas claro que devemos ter em conta o tamanho do copo menstrual em função do fluxo menstrual.

Ecológico

Não coloquei esta como principal vantagem, porque as minhas prioridades podem não ser as tuas. Mas eu fico feliz por não ser descartável e poder reutilizar. O mesmo copo dura entre 10 a 15 anos. Isto melhora e muito o saldo ao fim do mês quanto mais ao final do ano. E bem sabemos como são caros os produtos de higiene intima feminina têm o mesmo IVA que o caviar. Uma verdadeira loucura!

As desvantagens, para chamá-las de alguma forma:

Irritante

Isto não chega a incomodar-te nada se escolheres o tamanho certo. Eu recomendo usares um que tenha um formato mais arredondado para que não haja contacto e sintas algum tipo de irritação.

Complicado

Não é difícil e ao longo do tempo já tens as tuas técnicas, tal como aconteceu quando começaste a usar pensos higiénicos ou tampões. Actualmente para mim é muito simples.

Não é nada agradável

Bem das primeiras vezes não é muito agradável, porque não estamos habituadas. Mas se usares um pano húmido ou um pedaço de papel higiénico para retirares o copo, garanto-te que dificilmente ficas suja.

Não penses nisso, anima-te e arrisca sem medos. Depois de alguns meses estás tão satisfeita quanto eu. Partilha a tua experiência nas nossas redes sociais.


Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/18hrap003-production/www/18hrap003/releases/29/wp-content/themes/ellaonewomen/functions.php on line 599