Mitos sobre a masturbação

Há todo um mundo de ideias erradas, preconceitos e mitos sobre a masturbação. Está na hora de falarmos deles, sem tabus.

 

Já conhecias estes mitos sobre masturbação?

A masturbação é um tema tabu, envolto em todo o tipo de mitos, ideias erradas e preconceitos. Hoje trazemos-te 10 mitos sobre masturbação, e desmistificamo-los para ti! ‘Bora?

 

 

Mito #1: A masturbação faz nascer pelos nas palmas das mãos.

Este mito é antigo e mais popular entre homens. Servia para assustar as crianças e adolescentes. Lembra-te que estávamos numa época bastante religiosa, e na qual não se sabia muito sobre sexualidade.

 

 

Mito #2: A masturbação causa problemas de visão ou cegueira.

Esta ideia completamente errada já não é tão comum nas gerações mais novas, mas é possível que ainda haja muito quem acredite nisto. Relaxa. Não vais ficar cega. Este mito surgiu numa época em que se achava que o prazer sexual só podia ser uma consequência do sexo, cuja função era apenas a de procriação.

 

 

Mito #3: Só os pervertidos se masturbam.

Este preconceito, infelizmente, ainda está bem presente nos dias de hoje, mas não podia ser mais errado. É tão errado que não se pode sequer reduzir a “só os humanos se masturbam”, já que vários animais também exploram o seu prazer.

Lembra-te que a sexualidade sempre foi um tabu. Apesar de hoje ser menos, ainda existe muito medo e vergonha de falar abertamente sobre o tema. Toda a gente se masturba, porque é natural e saudável.

 

 

Mito #4: Só os homens se masturbam.

Uuui, então este…! Nada disso! É muito comum as mulheres, de todas as idades, não admitirem que se masturbam – e isso está muito bem, porque ninguém é obrigado a contar nada sobre a sua sexualidade -, mas pelas razões erradas. Neste caso, por acharem que só os homens sentem vontade de se masturbar.

Há, possivelmente, mulheres que não se masturbam, por diversas razões, mas a grande maioria fá-lo. E porquê? Porque é N-A-T-U-R-A-L. É bom, faz bem, ajuda-nos a conhecermos os nossos corpos.

 

 

Mito #5: Quando estás numa relação não te podes masturbar.

Este mito é transversal a todos os sexos, e pode ser perigoso! Estar numa relação não significa, de todo, que não podes, ou não deves masturbar-te. De facto, a masturbação é algo que te ajuda a conheceres o teu corpo, onde preferes ser tocada e que áreas são mais erógenas.

Pensa que, se tu não te conheceres, como é que alguém pode dar-te prazer? Se o teu parceiro fica chateado ou magoado, está na hora de falarem muito a sério, porque os receios dele são infundados. Se és tu quem não entende, está na hora de mudares a tua atitude. O facto de o teu namorado se masturbar, mesmo estando numa relação contigo, não implica que esteja insatisfeito com a vossa vida sexual.

 

 

Mito #6: A masturbação causa problemas mentais.

Outro mito antigo é o de que a masturbação causa problemas mentais, psicológicos ou até parafilias. Completamente errado. A única ponta de verdade aqui é que a masturbação, muito infelizmente, causa uma coisa: culpa. Culpa esta que é o resultado de muitos anos a ouvir que a masturbação é errada, que não é “decente”, que é pecado, que não é natural… Chega disso!

 

 

Mito #7: A masturbação provoca infertilidade.

A masturbação não só NÃO provoca infertilidade, como NÃO provoca impotência mais tarde. A masturbação não vai prejudicar-te ou fazer-te mal à saúde e à mente.

Não está provada uma relação entre infertilidade e masturbação, esta ideia é apenas um preconceito baseado em ignorância, medo e culpabilização. Portanto, não: não corres o risco de ficar infértil por te masturbares.

 

 

Mito #8: A masturbação faz mal à saúde.

De facto, vamos deixar médicos falar. A masturbação pode aliviar sintomas de depressão e provocar uma sensação geral de bem-estar, com aumento de autoestima e redução do stress, podendo mesmo ajudar com as insónias.

Mais: um estudo australiano de 2003 relacionou a masturbação com a diminuição da probabilidade do cancro de próstata, e esta? Para nós, mulheres, ainda há uma melhor notícia! Sabes aquelas dores do período, TPM e outras? Sim, a masturbação pode ajudar a aliviar dores!

 

 

Mito #9: Se te masturbares não terás prazer durante o sexo.

Mentira! Vários profissionais de saúde e sexólogos mantêm que masturbação regular pode ajudar a atingir o orgasmo durante as relações sexuais. Como? A masturbação dá-te a conhecer o corpo, e ajuda o teu corpo a saber responder a estímulos sexuais.

No entanto, cuidado! Quando a masturbação depende excessivamente de outros fatores, como ver pornografia, pode ter um efeito adverso, já que é difícil replicar essas situações durante as relações com o teu parceiro.

 

 

Mito #10: A masturbação causa Infeções Sexualmente Transmissíveis

De facto, a masturbação é uma atividade sexual que é completamente livre de riscos de doenças sexualmente transmissíveis. No entanto, masturbação a dois tem um pequeno risco associado. Por isso proteção, sempre!

 

 

Em suma, explora o teu corpo, não dês ouvidos a mitos infundados e obsoletos, e diverte-te!

Em ellaone.pt, encontrarás todas as informações sobre a pílula do dia seguinte ellaOne®.